Política em Barueri

0
Rate this post

Conheça mais sobre a política em Barueri! O ano de 2016, além das Olimpíadas do Rio, trazem no calendário brasileiro outro evento importante: as eleições municipais, que irão escolher os prefeitos e vereadores dos mais de 5 mil municípios brasileiros, formando, a partir de 2017, novos grupos de gestão pública, com a nomeação de secretários dos governos municipais.

O clima das eleições já está se fazendo sentir também em Barueri, tendo os vereadores em gestão já escolhido os partidos em que irão participar das eleições que ocorrerão em 2 de outubro próximo.

Veja Também: conheça as vagas de estágio em Barueri

publicidade:

A data limite para as mudanças de partido foi o último dia 2 de abril, havendo agora a escolha dos candidatos pelos partidos com a deliberação de coligações que poderão ser feitas entre o dia 20 de julho e 5 de agosto, obedecendo as normas estabelecidas para as eleições e os estatutos partidários.

Em Barueri, as mudanças de partidos dos vereadores tornou o PMDB a maior bancada da Câmara Municipal, seguido pelo PSDB, pelo DEM, pelo PRP, que possuem mais de um vereador, e pelos partidos PSB, PSC, PSD, PCdob, SD, PSDC, PTB, PRB e PDT, com representação de apenas um vereador em cada partido.

Política em Barueri

Entre os vereadores da atual gestão, apenas um, Saulo Góes, do Psol, coloca-se como pré-candidato ao cargo de prefeito. Considerando que o seu antigo partido, PRB, tenha se vendido, ele resolveu mudar para o Psol, mas continua firme com a candidatura, disputando a pré-candidatura com o Professor Jadis, considerado o candidato natural da legenda em Barueri.

publicidade:

O atual presidente da Câmara, Carlinhos do Açougue, também se coloca como pré-candidato, embora seu partido, o DEM, tenha deixado o grupo de vereadores sentindo-se abandonados com a informação de que o atual prefeito, Gil Arantes, do mesmo partido, vá se aposentar da política no final do atual mandato.

Um dos pré-candidatos que tem se mostrado ferrenho na luta pela participação nas próximas eleições é Rubens Furlan, do PSDB, que já foi prefeito de Barueri, estando na situação de buscar o apoio de Carlinhos do Açougue e do Vereador Kaskata, do PSB.

Política em Barueri – Prefeitos

Além dos pré-candidatos citados, outro nome que tem surgido com força na política de Barueri para as eleições de outubro é Doutor Antonio, do PDT, que é ex-secretário de Saúde do município e que retornou ao posto de vereador, ocupando o lugar do suplente Celso Calegare, do DEM, além e Baltazar Rosa, do PT, e Primo Cândido, do PTdoB.

O vice-prefeito e ex-secretário de Educação de Barueri, Jaques Munhos, do PMB, cogitado para a candidatura a prefeito, ainda diz que seu futuro está totalmente em aberto, devendo saber primeiro como ficarão as alianças entre partidos no município, devendo definir sua situação quando tiver o conhecimento das uniões.

A população de Barueri tem se manifestado em enquetes realizadas pela internet e outros meios, estando, atualmente, mostrando a seguinte situação para o cargo de prefeito nas eleições de 2016:

  • Matheus Shinoda, em primeiro lugar;
  • Rubens Furlan, em segundo;
  • Evandro Montoro, em terceiro;
  • Gil Arantes, em quarto;
  • Saulo Góes, em quinto;
  • Paulo Manduca, em sexto;
  • Tonho Baiano, em sétimo.

A enquete realizada apresenta apenas os nomes mais indicados, sendo totalmente livre para apresentar nomes até mesmo de políticos que não se manifestaram como pré-candidatos, e está sendo realizada apenas antes do período de campanha eleitoral, obedecendo a Lei 9.504/97, que veda a realização de enquetes relacionadas com as eleições durante a campanha.

Entre os eleitores de Barueri, um dos pontos que chama a atenção, principalmente dos políticos da cidade, é que o assunto mais tratado é a corrupção, seguido imediatamente por saúde e segurança. Certamente, a imagem de político honesto é a que mais vai conseguir votos nas eleições de 2 de outubro, embora os políticos devam ter consciência de que não irá valer apenas uma imagem de honestidade, e sim uma gestão livre de corrupção, já que o eleitorado está muito mais sensível a esse fator, em virtude da situação política geral do Brasil.

publicidade:
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA